Aulas de ginásio: Vamos treinar?

RPM, 3B, CXWORK são siglas aparentemente indecifráveis para quem não vai ao ginásio. Se é o seu caso, venha perceber o que significam com a ajuda do ID e entre no Fitness Hut, em pleno centro de Lisboa.

Perto das 7:00h chega o segurança do ginásio e abre as portas do Fitness Hut, na Rua Alexandre Herculano. O ginásio permanece vazio, mas não por muito tempo, porque é de manhã que se começa o dia e nada melhor do que o exercício físico para ‘acordar’ os músculos do corpo. As pessoas que já se encontram à porta, à espera, dirigem-se aos balneários  e equipam-se. De seguida, vão para perto do estúdio onde decorrerá a primeira aula, às 7:15h. Durante todo o dia, há aulas para todos os gostos… O ID vestiu o fato de treino e foi experimentar algumas.

Estúdio 1: As aulas realizadas ao longo do dia com recurso a bicicletas como instrumentos de treino são realizadas no Estúdio 1. A sala está equipada a rigor para receber os alunos para desfrutarem destas aulas de ciclismo indoor. Quando se entra na sala, o ambiente é um pouco escuro e fechado, mas a energia transmitida é, sem dúvida, boa e motivadora.

RPM

Quando os participantes desta aula entram no estúdio, começam por escolher uma bicicleta, pousar a água e a toalha, e aí começa o “sangue, suor e lágrimas” por 30 minutos. “Este é um treino de indoor cycling, ou seja, ciclismo interior. Vamos trabalhar principalmente a resistência, ou seja, o sistema cardiorrespiratório, e vamos trabalhar também pernas, queimando a gordura e tonificando maioritariamente as coxas e glúteos”, diz o instrutor já preparado para começar a aula.
E a aula começa de forma fácil, até que o instrutor informa que a mudança que se situa entre o guiador e o selim é o peso que os participantes terão de usar ao longo da aula, para aumentar a dificuldade com que se pedala. É entre pedalar de pé, sentado, mais rápido, mais devagar, com mais ou menos peso, que a aula se desenrola. Com ela vem também a vontade desistir naquela “subida às montanhas”, mas existe a motivação do instrutor e o foco num objectivo concreto. Se quer perder calorias, trabalhar pernas e testar o seu fôlego… decore a sigla: RPM

 Estúdio 2: Mais luminoso do que o Estúdio 1, aqui existem apenas algumas esteiras e pesos para utilizar em muitas aulas. Um pequeno palco e um conjunto de luzes coloridas transmitem dinâmica e espírito positivo para ajudar a concretizar as tarefas comandadas pelos instrutores.

BodyPump
São 30 minutos de Body Pump. O instrutor faz a chamada das pessoas que reservaram a aula antecipadamente e diz quais são os materiais que são precisos “reservar” para fazer esta aula, “indicada para quem quer trabalhar todos os grupos musculares, tonificando-os através de exercícios de musculação”. Durante a aula, os participantes expressam sofrimento à medida que vão fazendo os exercícios, mas a verdade é que a música e todo o ambiente ajudam a que haja uma conjugação perfeita e energia bastante positiva. O instrutor dá motivação, o que ajuda a aguentar meia hora.

BodyStep
O BodyStep é uma aula com recurso a um step com altura ajustada aos participantes. Tem 30 minutos de duração e passa a correr. A música anima a sala e, para além de se fazer exercício, a aula é bem divertida. Os alunos realizam movimentos de fácil compreensão utilizando sempre o step, exercitam o corpo e divertem-se ao mesmo tempo. Esta aula deve ser praticada por quem tem como objetivo “queimar calorias. Nos blocos de treino cardiorrespiratório, trabalhamos o sistema de gorduras, o que vai ajudar a acabar com aquele peso indesejado; nos blocos de condicionamento, realçamos as formas do corpo e tonificamos os músculos”, explica o instrutor. Para quem não gosta de fazer aulas muito puxadas, o Bodystep é indicado.

CXWORK
Mais 30 minutos de puro exercício. Aqui, trabalha-se de forma rápida “todos os grupos musculares do tronco e incluindo os glúteos. Em cada aula há uma coreografia simples que os participantes seguem. Trabalham a força e a resistência, ou seja tonificam o corpo“, explica o instrutor. “Estão prontos?”, pergunta, e todos respondem: “Sim!” A aula começa com uma óptima energia. Os alunos trabalham bastante os abdominais, com vários tipos de exercícios, os braços e o peito, com flexões por exemplo, e ainda os glúteos, usando elásticos que prendem debaixo do pé. Realizam ainda um exercício de equilíbrio, no qual trabalham os glúteos. Ou seja, o prometido é devido. É preciso força de vontade para aguentar o CXWORK mas, como diz o instrutor, “a dor é a vossa melhor amiga nestes momentos”.

3B
Na maior parte dos ginásios, esta é a aula mais procurada, principalmente pelas senhoras que, durante estes 35 minutos, se dedicam ao trabalho exclusivo de glúteos, coxas e um pouco de abdominais. A música brasileira que anima agora o Estúdio 2 é um incentivo à sua prática. São realizados exercícios com pesos nas pernas e são feitos exercícios em pé e no chão, nos quais, sem dúvida, se trabalham bastante os glúteos. Os exercícios são de acompanhamento fácil. No entanto, isso não retira a dificuldade de os aguentar até ao fim visto que, “quanto maior é o numero de repetições, mais difícil se torna aguentar a perna no ar e o glúteo a queimar”. Mas para quem quer um “rabo definido e uma perna tonificada”, como refere a instrutora, esta aula é perfeita.

BodyBalance
Se procura aulas mais calmas, esta deve estar na sua agenda. “É um treino que combina três modalidades: o Yoga, Tai Chi e Pilates. Aumenta a flexibilidade e a força e vai deixar o aluno com uma sensação de calma e tranquilidade”, diz a instrutora. Após a chamada, sente-se, de facto, uma tranquilidade:  as músicas utilizadas são calmas e relaxantes. Nesta aula trabalha-se a respiração, a extensão e descontracção dos músculos, o equilíbrio e a flexibilidade. É uma aula calma, mas que pode ter posições um pouco desconfortáveis para os participantes. No fim da aula, existe um alongamento: os participantes ficam deitados de barriga para cima, de olhos fechados, e nessa altura conseguem, sim, um relaxamento total de todo o corpo.

PilatesMoves
Aqui vai descobrir o seu próprio corpo e, ao mesmo tempo, encontrar um equilíbrio com a mente. É uma aula bastante calma, na qual são trabalhados principalmente o equilíbrio e a postura durante 45 minutos, através de exercícios fáceis que trabalham partes do corpo muitas vezes “desconhecidas”.

 

 

 Estúdio 3: O Estúdio 3 é um espaço aberto que se situa entre as máquinas e a zona de musculação. Com uma luz natural muito agradável, é um espaço com relvado artificial no qual se realizam algumas aulas.

FitMoves
Se quer tonificar o corpo e queimar gorduras localizadas, venha a esta aula, asseguramos que vai puxar por si.
Para quem gosta de treinos “old school”, onde se seguem circuitos de exercícios com equipamentos de treino bastante fáceis de utilizar, esta é a aula que vai querer fazer: há música e boa disposição, e os exercícios são simples. Num circuito de seis exercícios, usa-se principalmente o peso do corpo, ajudado com alguns instrumentos que vão sendo alternados e utilizados.

BodyAttack
Cada vez que esta aula se realiza há muito suor e gasto de energia. De calma, não tem nada. “É um treino cardiorrespiratório intervalado, de alta intensidade. A cada coreografia vai aumentando a intensidade. A aula tem 30 minutos de duração, o que não significa que seja mais fácil”, avisa de antemão a professora que esta prestes a dar início à aula. Sem dúvida que “fácil” é um adjectivo que não pode ser utilizado aqui. Ajuda? Só uma música que aumenta a velocidade e diminui o tempo de descanso entre exercícios realizados. As pernas dos participantes começam a doer e a respiração fica mais acelerada. No treino de braços e abdominais acontece o mesmo.
Uma vez por semana, esta aula tem 60 minutos, ou seja, 10 faixas de coreografias para os resistentes que quiserem (ou conseguirem) ter esta experiência em dobro. Garantem os participantes que a experiência é um pouco difícil mas, com a ajuda das instrutoras e com energia, no fim vale a pena o esforço.

StretchMoves
Para acabar em grande, deve fazer uma aula de Stretch. Em 30 minutos, realiza um treino curto que vai alongar todos os músculos do seu corpo. É, como diz a instrutora, “uma das partes mais importantes de qualquer treino. Ajuda a diminuir as dores e aumenta e melhora a amplitude das articulações”. E, na verdade, mesmo logo após a aula, os participantes sentem imediatamente uma mobilidade muito maior e uma diminuição das dores e da tensão causadas após os exercícios praticados no ginásio. Na aula, fazem-se exercícios que ajudam a esticar os músculos e isso faz com que esta seja, sem dúvida, a melhor aula após qualquer treino.

Se palavras não lhe chegam, comprove com o vídeo a energia que se vive neste ginásio.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s